Corte Real Momesca de 2013


No Carnaval de BH 2013, Léo de Jesus, Graziele Lizânia e Mariene Luiza Lopes, receberam, respectivamente, os títulos de Rei, Rainha e Princesa da folia belohorizontina e comandaram a programação de toda a festa na capital mineira. A Corte foi eleita no dia 12 de janeiro em evento realizado na Serraria Souza Pinto.

Mestre-Sala da arquitetura – Samba no pé, alegria, desenvoltura e beleza foram alguns dos requisitos que deram o título a Léo de Jesus. Com 33 anos, o estudante de arquitetura e urbanismo concorreu pela primeira vez ao título de Rei Momo, mas sua história com o samba e com o Carnaval vem de longa data. Desde 1996, Léo, conhecido na faculdade como mestre-sala da Arquitetura, já passou por vários blocos caricatos da cidade, como o Mulatos do Samba e Bacharéis do Samba. É mestre-sala da Escola Acadêmicos de Venda Nova, onde já foi bicampeão do Carnaval em Belo Horizonte, em 2008 e 2009. De acordo com Léo, morador do bairro Dom Cabral, sua missão como Rei Momo foi de chamar os belo-horizontinos para conhecer e valorizar o Carnaval da capital mineira. “Quis mostrar o valor do Carnaval de Belo Horizonte e chamar a população para as ruas para juntos possamos fazemosr um evento inclusivo, democrático, com alegria e muita festa”. Ele admira a qualidade do Carnaval de Belo Horizonte, que conta com bailes, blocos caricatos, blocos de rua e escolas de samba.

Bi-campeã – Em 2013, o concurso para Escolha da Corte Real Momesca teve uma bi-campeã. Graziele Lizânia, personal trainer, 34 anos, do bairro São Pedro foi eleita pela segunda vez Rainha do Carnaval de Belo Horizonte. Para ela, que também foi eleita Rainha em 2011, a emoção de representar a folia do Carnaval na capital mineira foi inexplicável. “Ganhar esse posto pela segunda vez nem se compara com a primeira. O nível da competição subiu muito, as candidatas estão cada vez mais bem preparadas, as roupas maravilhosas e todas vêm para arrasar”. Graziele conta que gostou tanto de ser rainha que se candidatou novamente e para representar o Carnaval de BH com muita alegria e disposição. A Rainha do Carnaval BH 2013, pertence ao “Grupo Folclórico Guararás” e já viajou para a Europa apresentando o espetáculo “Aquarela Brasileira” que mostra, por meio da dança, a história da evolução do samba no Brasil.

Passista de berço – “O samba já nasceu comigo, desde pequena, eu ia com minha mãe ver os desfiles de Escola de Samba na Avenida Afonso Pena. Quero representar o espírito do Carnaval com muita alegria e samba no pé”, conta Mariene Luiza, 21 anos, eleita como Princesa da Corte Real Momesca. Mariene é moradora do bairro Nova Esperança e conta que participou do concurso pela terceira vez e que pretende dar continuidade à carreira de passista.

 

Corte Real Momesca do Carnaval de BH 2013

Picture 1 of 9

Corte Real Momesca do Carnaval de BH 2013 – Foto: Robson Vasconcelos / Acervo Belotur