Carnaval a muitas mãos

2 de março de 2019


Foto Alexandre Guzanshe

O Carnaval de Belo Horizonte não só é de todo mundo. É feito por todo mundo! Foliões, blocos de rua, escolas de samba, blocos caricatos, artistas e produtores de evento fazem uma extensa programação, com diversos estilos e na cidade toda.

Para que essa festa linda aconteça, vale lembrar que tem muita gente atuando de forma integrada nos bastidores.

Junto com a Belotur e a Prefeitura de Belo Horizonte – e os patrocinadores oficiais Skol, Uber e Do Brasil Projetos e Eventos – mais de 30 instituições trabalham para garantir segurança, limpeza, conforto e facilitar o transporte e trânsito durante o Carnaval.

Olha só como a folia belo-horizontina é feita a muitas mãos!

O trabalho já começa na chegada!

O povo de Belo Horizonte é conhecido por receber bem. Aquela hospitalidade de mineiro, de ter sempre um cafezinho e um pão de queijo esperando pela visita, é real.

E no Carnaval não poderia ser diferente. Em 2019 são esperadas 4,6 milhões de pessoas e grande parte é de turistas do interior de Minas, de outros estados e até países, que chegam pelo Aeroporto Internacional de Belo Horizonte e pelo Terminal Rodoviário . Para atender esse volume todo, operações especiais têm sido desenvolvidas, e a BH Airport é uma das parceiras nessa estrutura de boas-vindas.

Segurança e saúde em primeiro lugar

O Centro Integrado de Operações de Belo Horizonte (COP-BH) trabalha 24 horas por dia, nos sete dias da semana, com 16 instituições representadas na Sala de Controle Integrada.

Este ano, o COP-BH conta com instituições municipais, como Belotur, Guarda Municipal, BHTrans, Secretarias Municipais de Obras e Infraestrutura e de Assistência Social, Segurança Alimentar e Cidadania, Subsecretaria de Fiscalização, SAMU, Diretoria de Prevenção Social ao Crime e à Violência e Prodabel, além de instituições estaduais, como Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, Tribunal de Justiça, Secretaria Estadual de Transportes e Obras Públicas/DEER e, ainda, a CBTU.

Os representantes trabalham no Posto de Comando, monitorando em tempo real a cidade por meio de 1,4 mil câmeras. Equipes volantes também estão nas ruas, acompanhando os blocos e o dia a dia na cidade.

Em caso de emergências médicas, estarão disponíveis Postos Médicos Avançados fixos e um móvel, em parceria com o Corpo de Bombeiros, além de ambulâncias do SAMU na retaguarda de grandes blocos.

Quer saber a melhor forma de chegar à folia?

Foto: Júlia Lanari

No que diz respeito ao trânsito, a BHTrans trabalha para garantir que os caminhos da cidade fluam numa boa: rotas especiais de ônibus, desvios em alguns trajetos e divulgação em tempo real pelo Twitter e pelo app SIU Mobile para garantir o fluxo.

A CBTU também vai trabalhar com horário especial nas estações de metrô para facilitar a chegada às atrações que começam cedo ou se estendem até mais tarde. Confira aqui os horários estendidos.

Nos pontos de ônibus da Avenida do Contorno e na região do Centro, você também pode pegar, gratuitamente, o Foliônibus, uma iniciativa da Skol e Uber para trazer mobilidade ao público no período do Carnaval. É só pegar um dos 35 veículos que circularão de 2 a 5 de março, das 10h às 20h.

Para saber a melhor forma de se locomover, seja de carro, ônibus, Foliônibus ou metrô, acesse aqui.

Quando a vontade apertar, também tem gente trabalhando por você!

P4Tree | Foto: Élcio Paraíso

Deu vontade de ir ao banheiro? Nada de fazer xixi na rua! Em 2019 são mais de 6 mil banheiros químicos espalhados por 55 pontos fixos na cidade, entre os dias 1º e 5 de março. Além disso, outros 3,6 mil banheiros móveis e 250 cabines PNE (para portadores de necessidades especiais, entre fixas e móveis) também darão suporte aos foliões.

E sabia que seu xixi pode se tornar fertilizante para as plantas dos canteiros e parques da cidade?

Nos pontos da Avenida Brasil e Praça da Estação, 100 banheiros estão adaptados pelo projeto P4Tree, desenvolvido pela UFMG, outro parceiro da Belotur, com uma tecnologia capaz de transformar a urina em adubo sustentável.

Até para você comer bem, tem pessoas envolvidas!

Sabe aquela fome que bate depois do bloco? A segunda edição do Circuito Carnaval Gastrô, realizado pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel-MG), com apoio da Belotur, chegou para satisfazê-la!

Serão 38 bares e restaurantes de diversas regiões da cidade que vão servir pratos e petiscos a preços especiais. Acesse para saber quais são os estabelecimentos participantes.

É muito melhor carnavalizar em uma cidade limpa!

Foto: André Fossati

Tem coisa melhor do que chegar para curtir o Carnaval e as ruas estarem impecáveis? Esse é o esforço da Superintendência de Limpeza Urbana (SLU), que começa a limpeza logo depois da passagem dos desfiles.

Em 2019, a organização ainda contará com um projeto de sustentabilidade em duas frentes. A primeira será uma ação com 130 catadores de materiais recicláveis, que vão passar por 12 blocos de rua:

  • Volta Belchior
  • Quando Come se Lambuza
  • Bloco da Calixto
  • Pacato Cidadão
  • Angola Janga
  • Alô Abacaxi
  • Unidos do Barro Preto
  • Havayanas Usadas
  • Garotas Solteiras
  • Pisa na Fulô
  • Juventude Bronzeada
  • Ordinários

Além disso, os Locais de Entrega Voluntária (LEVs) de recicláveis serão ampliados, com mais 10 novos pontos fixos de coleta a partir do dia 23/02. Para o período do Carnaval, a cidade conta com um total de 16 contentores para coleta de recipientes de vidro. São eles: Praça da Estação; Praça Rui Barbosa; Rua Sapucaí; Rua Guaicurus; Avenida Brasil (Bernardo Monteiro); Praça da Liberdade; Praça Diogo de Vasconcelos/ Savassi; Avenida Afonso Pena com avenida Álvares Cabral; Praça da Assembleia; Praça Duque de Caxias; Avenida Afonso Pena com rua Timbiras; Avenida do Contorno com avenida Getúlio Vargas; Avenida Fleming; Avenida Getúlio Vargas com rua Rio Grande do Norte; Praça Afonso Arinos; e Rua São Luiz.

E como articular tudo isso?

Para reunir todas as instituições, facilitar o trabalho de todos e tornar o Carnaval cada ano melhor, a Belotur atua com todas as frentes.

Há vários meses, centenas de reuniões têm sido feitas com os blocos de rua e parceiros, para garantir que os desfiles sejam seguros, com estrutura de banheiros, limpeza, ambulantes e operações de trânsito. Além disso, a Belotur contribui com a festa por meio do Edital para Subvenção aos Blocos de Rua e o Edital de Artistas, incentivando financeiramente e com divulgação aos contemplados.

A empresa também é responsável pela festa nos palcos oficiais, a programação infantil do Carnavalzinho e os desfiles de Escolas de Samba e Blocos Caricatos na Avenida Afonso Pena.

Viu como Belo Horizonte está se preparando para o Carnaval? Se precisar de mais informações durante a folia, procure um dos Pontos de Informação pela cidade ou os Centros de Atendimento ao Turista.

E baixe o app Belo Horizonte Surpreendente para ficar por dentro de tudo que rola na cidade e no Carnaval, na palma da mão! Disponível na App Store e Google Play.